Beto Carrero: como visitar todo o parque em um dia

Em nossa viagem para o sul do Brasil decidimos passar um dia no Beto Carrero para conhecer o parque. Foi um dos melhores dias da viagem! Se você só tem um dia pra conhecer lá, vem ver nossas dicas.

Saímos de Florianópolis às 7:30 e as 9h estávamos na entrada do Beto Carrero, que fica na cidade de Penha. Aproveitamos da hora que abriu até a hora de fechar, sem parar! :O

Quanto vou gastar no Beto Carrero?

Não vamos mentir: muito. Mas pra gente cada centavo valeu a pena. Pra começar, o ingresso custa R$ 98. Dá pra fazer muuuuita coisa, mas algumas atrações são pagas à parte (contamos mais pra frente). Pagamos R$ 18 no estacionamento pra moto. Levamos uma mochila com nossas coisas e não atrapalhou pra ir nos brinquedos. Logo na entrada, pegue um mapa pra não se perder (sério, é MUITO útil).

Atrações que visitamos

Ilha dos piratas: como chegamos cedo, os brinquedos ainda não estavam todos abertos. É lindo pra passear! Tem casa dos espelhos, masmorras com “prisioneiros”, bar pirata…

Um trechinho da gruta dos piratas:

 

Vila Germânica: uma mini vila tão legal quanto a que fomos em Blumenau!

 

Teleférico: o passeio é rapidinho mas é legal pra ver o parque do alto.

 

Labirinto do Pegasus: A-M-E-I! É cheio de bruxas, gnomos, unicórnios, magos… *-*

 

Velho Oeste: tem toda uma cidade cenográfica com lojinhas de souvenirs, um forte, uma aldeia indígena, cavalos…

 

Ferrovia DinoMagic: no final do dia pegamos o trem que passa por um caminho lindo LINDO LINDO nas terras do parque. O passeio tem mais ou menos meia hora e vale MUITO a pena!

Túnel cobra

Gruta com dinossauros
Animais de pedra gigantes
A casa mais linda do mundo!!!
Tinha até a vila do Papai Noel!

No meio da viagem, o trem para e á assaltado por um bandido à cavalo. Mas logo o Beto Carrero cover aparece, estala o chicote e salva todos! Dizem que essa é a casa em que ele morava.

 

Zoológico: foi nosso último passeio, porque sim, tem um zoológico inteiro dentro do parque. Eu já estava morrendo-arrastando, mas como Adriano queria muito, visitamos quase todos os animais.

Cada atração é uma parada pra 200 mil fotos. TUDO no parque é muito legal e você vai querer fotografar! O parque está muito bem conversado. Tudo é bem limpo e os brinquedos e atrações pareceram muito bons pra gente.

Show Excalibur

Descobrimos que na hora do almoço tem um show medieval. Não sabemos se os ingressos acabam rápido, mas compramos cedo pra não ter problema. Custa R$ 50 por pessoa e o almoço está incluso. É um PF pequeno com arroz, purê de batata, um pouco de filé ao molho gorgonzola, coxinha de frango frito e batata frita. Poderia ser maior, masss a atração principal deixou a gente tão satisfeito que ignoramos um pouco isso.

O show é em uma arena medieval, onde sentamos nas arquibancadas e fomos servidos lá mesmo. O teatro acontece durante o almoço e mostra uma batalha dos cavaleiros da távola redonda.

É MARAVILHOSO! Nem fotogramos direito pra prestar atenção. A plateia participa e é empolgadíssima, nos sentimos bárbaros enquanto comíamos e gritávamos para os cavaleiros! :O

A encenação tem cavalos de verdade e até um cavaleiro matando o outro com uma espada, jorrando sangue e tudo mais. Começou às 12h e durou 1h.

Show Velozes e Furiosos

Logo depois do teatro, às 13h, acontece o show Velozes e Furiosos do outro lado do parque. Saímos correndo desesperadamente pra chegar a tempo. E foi outra coisa maravilhosa!!!

Esse não precisa pagar a parte. Sentamos em arquibancadas e, como tudo no parque, tem animadores/apresentadores que realmente deixam as pessoas animadas! Todo mundo fica tão empolgado que você só quer gritar também.

O show é em uma cidade fictícia e tem um vídeo de Velozes e Furiosos antes. Tem carros, motos e um caminhão. É muito muito MUITO legal! Achei que odiava carros mas não tem como não gostar desse =P

Brinquedos que fomos

Já vou avisando que não fui em nenhum radical, e o Adriano foi numa montanha russa que era mais medonha. Não fomos na torre nem em nenhum lugar que leva sua alma embora. Uma coisa legal é que nenhuma fila demorou, acho que não ficamos mais que 15 minutos em cada uma.

Motanha russa Tigor Mountain: começamos a nos aquecer pros brinquedos na montanha russa infantil, e ainda assim quase morri de tensão kkk

Crazy River de Madagascar: aquele brinquedo em que você passeia por um rio e toma uns banhos. É muito legal :P

TchiBum: você se senta em um “tronco de árvore” e desce por um riozinho. Saímos molhados dos pés a cabeça e felizes (porque estava muito quente).

Montanha russa Star Mountain: é uma adulta, mas a mais light delas.

Montanha russa FireWhip: nessa só o Adriano foi, eu não queria perder a alma (ele perdeu a dele kkk).

Raskapuska: é infantil mas é lindooo. É um carrinho que passa por vários cenários com contos de fadas. São cenários animados com bonecos mexendo e tudo mais. É MÁGICO!

Portal da Escuridão: pagamos R$ 18 cada pra um passeio de uns 3min por dentro da casa dos horrores. Sim, é divertido e os cenários são muito legais!

Carrossel Veneziano: não fomos mas ele é lindooo!

Onde ficar

Saímos do parque quando já estava fechado e esvaziando. Ficamos em uma pousada há menos de 1km, a Pousada Siqueira. Pagamos R$ 140 a diária com café da manhã. O quarto estava bem arrumado, tinha ar condicionado e o café da manhã estava bem gostoso com pão, bolo, iogurte, frutas, biscoitos, suco e pão de queijo. Os donos também foram muito simpáticos conosco!

A noite, chegamos tão mortos que pedimos pizza e Adriano precisou praticamente me dar na boca porque eu não conseguia reagir de tão cansada kkk. Nosso quarto amanheceu assim magicamente:

Dicas

  • Levamos lanche e água na nossa mochila e ninguém proibiu de entrar com isso. Os lanches são caros dentro do parque e vale levar alguma coisinha.
  • Leve uma capa a prova d’água pra câmera ou celular pra tirar foto em alguns brinquedos.
  • A gente foi em uma terça, fora de temporada, e achamos o parque até vazio. Talvez por isso não demoramos nas filas dos brinquedos e conseguimos ver muita coisa.
  • Não pense duas vezes antes de ir ao parque! Decidimos de última hora e acabou sendo um dos dias mais divertidos da viagem <3 

Veja mais cidades no sul do Brasil

rosi

Adora viajar, fotografar e escrever. Nos últimos anos aprendeu a gostar de mato, sol e desapegar de malas gigantes. Dramática, mas não tão fresca quanto parece =P