capa-ape-1

Boipeba: praias para ir a pé

Boipeba é uma ilha muito pequena e dá pra chegar em várias praias a pé. Os caminhos são super agradáveis e você nem percebe a distância que andou. Vem ver nossas dicas pra um passeio a pé super agradável!

Em um dos dias que ficamos em Boipeba, resolvemos fazer uma caminhada saindo da praia mais próxima da vila (Boca da Barra) e andar até Moreré. São mais ou menos 6km de paisagens lindíssimas.

Boca da Barra

É a praia mais próxima do povoado de Velha Boipeba e a mais movimentada. Há muitas barracas e pousadas e é dela que saem os passeios de barco pela ilha.

O começo da praia fica no encontro do mar com o Rio Inferno e as águas são bem calmas.

img_8681

Praia do Outeiro

É um trecho da praia de Boca da Barra bem menos movimentado. Não há barracas, só uma ou outra pousada. Em nosso último dia, passamos várias horas curtindo esse cantinho lindo e sossegado sob a sombra das árvores!

panorama-boca-da-barra2

img_9111

img_9126

img_8690

img_8695

Há um trecho mais ou menos no meio da praia em que o mar é todo de pedrinhas roliças, e há um banco de areia em que é possível chegar a pé.

img_9123

img_8699

Praia das Pedrinhas

Uma enseada bem pequena em que a praia é toda de pedrinhas. Bem escondida, o acesso é feito após uma escadinha no final da praia de Boca da Barra e depois um pequeno trecho de trilha na mata.

img_8715

Esse mirante fica na trilha para essa praia:

img_8720

Praia de Tassimirim

A praia é extensa e com muitos corais. Nos encantamos por essas barraquinhas dentro do mar, mas paramos só pra descansar e tirar fotos.

img_8751

img_8731

img_8754

Vimos poucas águas-vivas por lá. Essa abaixo nos falaram que é uma das mais perigosas:

gopr0451

Praia da  Cueira

Parece que ficamos repetindo o tempo inteiro, mas não tem como descrever melhor: água cristalina, areias brancas e coqueiros por toda a extensão. É LINDA!

img_8779

Essa praia também é conhecida pela lagosta do Seu Guido, que antigamente era uma barraquinha que vendia uma lagosta muito boa e hoje se tornou um super restaurante. Achamos caro (em torno de R$ 140 a refeição com lagosta) e preferimos continuar andando até Moreré.

Antes de chegar em Moreré, há uma barraquinha com redes deliciosas. Poderia passar o resto da vida assim!

img_8786

Depois, atravessamos o rio Ouritube e passamos por dentro de uma fazenda de coqueirais para chegar até Moreré.

img_8761

A trilha é bem fácil e chega nessa praia, que já faz parte de Moreré:

img_8812

panorama-coeira2

 

Esse mapa da ilha é muito útil, clique para ver maior :)

mapa

 

 

Veja também

rosi

Adora viajar, fotografar e escrever. Nos últimos anos aprendeu a gostar de mato, sol e desapegar de malas gigantes. Dramática, mas não tão fresca quanto parece =P